sexta-feira, 13 de setembro de 2013

CAIXA ECONÔMICA: CONHEÇA VANTAGENS E O PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS

Para trabalhar na Caixa Econômica Federal (CEF) é preciso ser aprovado em concurso público, conforme determina a Constituição Federal e o Estatuto da Caixa. O empregado, após a admissão, passa a ocupar o cargo em caráter permanente, que pode ser da carreira administrativa (técnico bancário) ou da carreira profissional (advogado, arquiteto, engenheiro e médico do trabalho).

O que torna os cargos da empresa tão atraentes são as condições de trabalho, com destaque para a estabilidade do emprego público, participação nos lucros e resultados (PLR), possibilidade de participação em plano de saúde e previdência complementar, auxílio refeição/alimentação, auxílio cesta/alimentação, e ainda, entre as vantagens de trabalhar para a instituição bancária, está o Plano de Cargos e Salários (PCS), documento que contempla a estrutura de cargos efetivos da empresa, garantindo um teto de até R$ 17.523,00 (50,7% de aumento em relação ao salário inicial).

O PCS é composto por referências (níveis) salarias por progressão geométrica de aproximadamente 2,48% a cada nível e conta com duas carreias diferentes:

Carreira administrativa (nível médio) - O cargo efetivo é denominado Técnico Bancário Novo (TBN), com 48 referências (níveis) salariais e remuneração que vai de R$ 1.875,00 a R$ 5.483,00.

Carreira profissional (nível superior) - É formada pelos cargos de Advogado, Arquiteto, Engenheiro e Médico do Trabalho, com 36 referências (níveis) salariais. Para a jornada de quatro horas, exclusiva para o cargo efetivo de Médico do Trabalho, a remuneração varia de R$ 3.723,00 a R$ 8.762,00; para a jornada de seis horas, de R$ 5.584,00 a R$ 13.142,00 e para a jornada de oito horas, de R$ 7.445,00 a R$ 17.523,00.

A ascensão nos níveis salariais do cargo efetivo ocorre por meio das promoções por antiguidade e merecimento, a cada dois anos de efetivo exercício na Caixa; ou por promoção por mérito, realizada anualmente com a participação de todos os empregados através dos processos seletivos internos, que proporcionam interação e transparência quanto ao acesso às oportunidades de crescimento profissional.

O último concurso da Caixa para técnico bancário teve 1.086.513 inscritos, sendo 73.433 na capital paulista e ainda esta dentro da validade, no entanto, a previsão é de que o próximo edital seja lançado antes do prazo da seleção anterior expirar. Assim como ocorreu na última seleção, cujo edital foi publicado em fevereiro de 2012, sendo que o concurso anterior (2010), ainda não havia expirado.

Uma publicação do Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (DEST) no Diário Oficial da União de 17 de julho de 2013, previu a contratação de até 9.873 profissionais, sendo 4.850 em 2014 e 5.023 em 2015.

Garanta você também seu cargo como servidor público da Caixa! Prepare-se agora mesmo, com um dos cursos preparatórios para concursos públicos do IOB Concursos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e colaboração.